RSS

Desmistificando: Mapa Astral de cidades, países, etc.

02 jun

Existe algo de muito interessante na astrologia, à tentativa de pressupor que uma cidade tem um comportamento por conta da fundação dela. Um exemplo, o Brasil, a república foi fundada exatamente dia 15 de novembro, portanto é um país escorpiano.

Essa visão é muito limitada, errada, precipitada, etc., eu podia dar várias “qualidades não nobres” pra esse tipo de argumento.

Eu estou falando como historiadora. Chega a me dar irritação ler esse tipo de comentário, pois o autor geralmente estereotipa TOTALMENTE o povo nascido naquela cidade ou nação aos impulsos daquele signo. Eu até considero interessante apontar a algumas tendências. Mas isso deve ser feito com muita cautela.

Primeiro porque, em geral, os mitos de criação das cidades são bem distorcidos do que a história em si consta. Há contradições das mais diversas nesse aspecto.

Acho coerente dizer que, por exemplo, o Rio de Janeiro por ser uma cidade fundada em uma data pisciana, tenha a questão da receptividade das mais diversas culturas, porém isso não quer dizer necessariamente aceitação.

O Rio de Janeiro foi a capital do império por muitos anos, portanto a centralização do poder sempre foi forte lá, os cariocas conquistaram patrimônios dos mais variados tipos nesse aspecto e sempre tiveram mais abertura ao mundo por conta do imperador estar ali. Porém, peixes não é um signo ligado a centralização de poder, e o Rio de Janeiro foi por muito tempo um lugar com o poder totalmente centralizado, sem se importar em compartilhar isso.

Ai pegamos o exemplo de São Paulo (aquariana), que é a capital econômica do país. São Paulo nunca teve ajuda alguma do império para se erguer, foram as famílias nobres e burguesas que ergueram por si só São Paulo, ou seja, os paulistas que independente de ajuda ou não criaram a força econômica de São Paulo. Isso tem sem dúvida muito haver com aquário. Porém não podemos deixar de lembrar que foi pela riqueza natural de ser um solo fértil e plano que facilitou para a atividade agrária.

Não dá pra denominar absolutamente tudo por conta de signo, muito menos fazer um mapa astral exato da criação de uma cidade ou país denominando até ascendente. A hora exata é um mito, não quer dizer necessariamente que é aquela hora, muito provavelmente não foi. O máximo que um astrólogo pode fazer é deduzir um ascendente que seja coerente com as características da cidade.

E quando se trata de uma nação, se “embananar” na ideia é mais fácil ainda. Não podemos denominar que o Brasil é taurino porque foi “descoberto” em 21 de abril, sendo que a 2000 anos antes os vikings já haviam habitado terras brasileiras.

Muito menos denominar por hegemonia cultural porque o Brasil é um país multicultural. Resumir a entrada dos portugueses ao Brasil por uma simbologia astrológica é resumir o Brasil ao que nem existe mais, parentes legítimos sem mistura ALGUMA daqueles portugueses.

As datas históricas como uma estudante de história devo dizer que são um mero detalhe, o importante é entender o todo, e esse todo geralmente é criado muito antes de qualquer acontecimento. Ou seja, o signo, lua, o diabo a 4 que estava naquele momento é o que menos importa, aquela situação já estava criada a eras antes.

E muito menos pela a entrada de UM povo em um país que teve povos de todas as partes do mundo entrando. O pensamento do país, a estrutura conceitual, o iluminismo que expulsou os jesuítas não é porque o Brasil foi “criado” dia 21 de abril, esse pensamento é mais antigo do que se imagina. Assim com a ideia de corrupção que existe não se deve resumir ao mapa astral dele.

Nunca se apeguem a datas de fatos históricos. Essa é minha alerta a astrólogos, as chances de você estar falando uma grande bobagem por cima disso são enormes.

Pois não são as datas que determinam os fatos, mas apenas os fatos que determinam os próprios fatos.

Muitas vezes a atitude foi pensada anos atrás, e foi tomada depois e isso não foi porque o sol tá no signo x. Resumir tanto essa ideia é pobre demais.

Na minha concepção, a astrologia abrange a vida do ser humano, querer falar de signo de países e razões em cima disso só se você for extremamente estudado no assunto e se for saberá que não existe exatidão nas datas.

Por exemplo, a escravidão acabou em 1850. Mas antes disso, já praticamente não existiam escravos no Brasil mais, a escravidão não foi rompida como mostram as novelas por conta de uma carta assinada e sim porque já não era mais em conta, era mais barato tornar o escravo assalariado do que pagar um preço altíssimo por ele.

Ai você vem, e fala que foi porque naquela noite a combinação astral…(….) por favor.

Eu sou uma pessoa que acredita em astrologia mas existem certos limites, que quando ultrapassados acabam ridicularizando a própria astrologia. A astrologia é um estudo procurado por todo tipo de pessoa, portanto ela deve ser criteriosa em todos os textos que ela abrange, em todas as ideias. E falar de história, requer muita leitura sobre o assunto, e requer muita leitura justamente por não ser simplesmente uma data, um fato, um herói, um vilão.

Enfim, fica meu apelo para que não percam tempo com textos que estereotipem muito uma cidade, um povo, UMA NAÇÃO inteira por conta de um signo. Como eu disse, pode até ter traços, mas não definir, afinal o tempo muda o homem e o homem muda o tempo. Não existe exatidão, por isso estudar história, sociologia e filosofia é estudar ‘humanas’ por justamente essa falta de exatidão, o ser humano muda de um para um. Definir um país inteiro como se os seres que vivem nele não interferissem em nada é ser mesquinho.

Isso é tão medieval quanto definir que a mulher tem que ser submissa ao homem porque no mito de origem cristão ela veio da costela do homem, uma parte ‘não nobre’. É preciso atualizar as ideias.

Anúncios
 
8 Comentários

Publicado por em junho 2, 2012 em Uncategorized

 

Tags: , ,

8 Respostas para “Desmistificando: Mapa Astral de cidades, países, etc.

  1. Yann

    junho 2, 2012 at 11:35 pm

    Vikings no Brasil??

     
    • miossi

      junho 3, 2012 at 8:29 pm

      acredite ahahhaha foram os primeiros, depois foram os chineses 😀 aaaii sim os portugueses

       
  2. Yann

    junho 4, 2012 at 10:35 pm

    Ah sim… vou procurar no google rs

     
  3. Priscila Gomes

    fevereiro 2, 2013 at 8:20 pm

    Olha,você é demais.Adoro ler tudo o que escreve,é tudo de um excelente conteúdo.Graças as coisas que leio aqui me apaixonei ainda mais pela a astrologia e percebi o quanto grande e maravilhosa ela é.

     
  4. Janete

    novembro 28, 2014 at 9:50 pm

    Eu acredito em mapa astral de países e cidades. E o Brasil é de virgem, não de escorpião .

     
  5. eli

    julho 30, 2015 at 2:31 pm

    Super inteligente… Concordo totalmente. Como saber o que vale? A descoberta, a fundação, etc…

     
  6. Anônimo

    julho 3, 2017 at 7:05 pm

    Duas palavras: astrologia mundial

     
  7. Anônimo

    outubro 22, 2017 at 3:05 am

    Respeito seu trabalho e sua desconfiança para com os signos das cidades e países, mas venho advogar em favor da causa, e não contra.

    1- Brasil é de Virgem e não de Escorpião. Nesse sentido, cabe nossa síndrome de “vira-lata”, a ENORME burocracia e a infeliz condição servil de quem tanto trabalha e pouco recebe.

    2- Rio de Janeiro tem tudo a ver com Peixes: no próprio simbolo da cidade há 2 golfinhos (tudo bem que golfinho é mamífero, mas é um animal aquático), a imagem do mar/praia é acoplada ao imaginário que o mundo todo tem do Rio. Assim como o carnaval (com toda suas fantasias), a boemia da Lapa, as ilusões de ser uma “cidade maravilhosa”, mas na real é cheia de mazelas; o próprio Cristo Redentor e a grande sopa multicultural que existe no Rio, com gente de todo país e fora dele. Além da questão das drogas, e da magia de igrejas pentecostais e das religiões africanas.

    3- Niterói, cidade Sagitariana também leva em sua história marcos importantes referentes à esse signo. A começar pelo índio Arariboia, que se une aos portugueses para lutar uma guerra (internacional) contra os franceses. Sagitário rege a academia, a política e as religiões oficiais. Pois bem, a Universidade Federal Fluminense (ou seja, a representante federal do estado do Rio) fica em Niterói, a Umbanda, religião brasileira que concatena e legisla (duas palavras sagitarianas) tradições europeias (cristianismo e kardecismo), africanas (Orixás, pretos-velhos e musicalidade) e indígenas (ervas e caboclos) surgiu em Niterói. E por fim, o Partido Comunista do Brasil também foi fundado em Niterói!

    Por esses 3 exemplos (e outros tantos, que não cabe listar), continuo validando sim a Astrologia Mundial com suas cidades e países com signos e mapas astrais completos.

     

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: